10 dicas de como vestir um bebê no verão

 

 

10 dicas de como vestir um bebê no verão

 

10 dicas de como vestir um bebê no verão

E finalmente estamos na estação do ano mais esperada pelas crianças.

Os dias de verão trazem calor, sol e muitas oportunidades para brincar. Por tudo isso, você precisa e quer ter certeza de que seu filho está confortável e protegido.

Nesse artigo vamos listar 10 ótimas dicas para vestir seu filho no verão de forma fofa e ao mesmo tempo com a proteção e liberdade que pede essa estação:

 

1) Escolha tecidos de algodão

 

Nos dias mais quentes do verão, o seu bebê (e todos os outros!) correm o risco de superaquecimento. Para ajudar a manter o seu bebê fresquinho, escolha roupas largas e feitas de 100% algodão. O algodão permite que haja uma troca de temperatura entre o corpo e o ambiente e facilita a evaporação do suor, prevenindo a irritação e esfriando a pele.

 

2) Modelos versáteis e fresquinhos

 

O tempo quente exige roupas simples, fáceis de vestir e despir e bem arejadas.

Para as meninas, um simples vestido de malha sem mangas faz com que se vestir seja uma brisa. Já para os meninos uma bermuda estilo surfista e uma regata fazem parecer casuais e descolados.

 

3) Roupas com proteção solar

 

Embora, na maioria das vezes, possa ser desafiador aplicar protetor solar em uma criança, não ignore – estudos mostram que queimaduras prematuras podem tornar a pele mais vulnerável a câncer de pele mais tarde na vida.

Protetores solares de barreira física, que usam dióxido de titânio ou óxido de zinco para bloquear raios nocivos, são os preferidos por muitos pediatras; eles fazem um trabalho melhor na proteção contra os raios UVA e UVB, além de iniciarem a proteção logo após a aplicação no corpinho do pequeno.

Seja sempre generoso em sua aplicação – especialistas recomendam uma quantia do tamanho de uma moeda apenas para o rosto. E não esqueça de reaplicar o protetor a cada 2 ou 3 horas ou após a criança se molhar ou suar muito.

Além do protetor solar o uso de roupas com proteção solar são mais do que recomendados pelos pediatras. Essas roupas são capazes de filtrar os raios UVA e UVB e prometem uma proteção bem maior que qualquer protetor solar.

 

4) Hora de ficar pelado

A maioria das crianças passa por uma fase anti-roupa – então agora é o momento certo para satisfazer essa vontade do pequeno.

Se vocês vão ficar em casa sua criança não precisa usar mais do que somente a fralda ou um shortinho tapa fralda. Para os maiorzinhos nada como andar de cuequinha ou calcinha pela casa.

 

5) Roupas com Proteção Solar

Na praia, na piscina ou em passeios ao ar livre opte pelas roupas com proteção solar FPS.

Uma camiseta ou conjunto com o selo FPS 15 permitirá que apenas 1/15 dos raios do sol passem por ela; escolha roupas com uma classificação FPS mais alta para bloquear raios ainda mais nocivos.

 

6) Chapéus e bonés

Chapéus de sol são uma ótima maneira de proteger o rosto, o couro cabeludo, o pescoço e as orelhas do seu filho (especialmente se for impossível aplicar protetor solar em seu rosto). Prefira aqueles com abas grandes, feitos em algodão e com proteção FPS.

Use e abuse não só na praia, mas também nos passeios do dia a dia ao ar livre como no parquinho, na pracinha ou no quintal de casa.

 

7) Óculos de sol

Parece frescura, mas usar óculos de sol com proteção nas crianças é essencial para proteger seus olhinhos. Muitas marcas já possuem a linha junior com tamanhos adequados para as crianças.

Escolha um par que bloqueie 100% dos raios UVA e UVB. Se o seu filho não quiser usá-lo, tente adicionar um elástico e seja um bom exemplo usando sempre os óculos de sol quando estiver fora.

 

8) E dá-lhe sandálias:

 

Nessa época de calor deixe os pezinhos dos pequenos bem fresquinhos usando sandálias ou chinelos. A linha de sapato infantil cresceu bastante nos últimos anos e a variedade e beleza dos modelos conquista papais e mamães antenados.

Prefira modelos com velcro que são fáceis de colocar e tirar e solas antiderrapantes. Os sapatos de couro são melhores por absorver o suor e não deixar os pezinhos com chulé.

 

9) Prepare-se para a piscina

 

Com os raios do sol sendo mais intensos em torno da água, é importante manter a pele da criança coberta quando você estiver na piscina ou na praia. Hoje é muito fácil encontrar no mercado maiôs de manga comprida com proteção FPS e também camisetas de piscina com a mesma proteção.

Outro item bem bacana para os menorzinhos são as sunguinhas e calcinhas com fralda embutida . As peças são reutilizáveis e não precisam do uso da fralda aquática. Economia para os pais e o meio ambiente fica feliz.

 

10) Hora do pijama

 

A hora de dormir também merece muita atenção.

O que seu bebê dormir no verão dependerá muito da temperatura da sua casa. Se você manter o ar condicionado ligado durante toda a noite toda, pijamas de algodão de manga curta e uma manta leve são a escolha certa. Se a sua casa tende a ficar abafada ou se a criança fica aquecida quando dorme, um pijaminha bem fresquinho e apenas um lençol já são o suficiente para uma boa noite de sono.

 

Essas foram as dicas para melhor vestir as crianças nesse verão.

Espero que você tenha curtido. Não se esqueça de deixar um comentário ou compartilhar com os amigos.

 

Sou Marília Tannuri Verni.

Mãe de 2 meninos (Ian – 11 anos e Lorenzo – 4 anos),

publicitária, idealizadora do portal Grávida em Campinas

e proprietária da loja infantil on line Petit Papillon Bebê & Criança.

Uma apaixonada pelo universo infantil e por todas as chances que a maternidade nos proporciona.



Deixe um comentário!